Amy Academy
Eu criança, eu adulto

Eu criança, eu adulto

Se eu te perguntasse hoje se “você criança teria orgulho de você adulto”, que resposta você me daria?
Existe muitas diferenças entre a criança que fomos e o adulto que somos hoje. Natural pois muitas coisas se modificam durante nossa vida. Mas os sonhos iniciais que tivemos são muito importantes, pois são os decorrentes deles que vamos construindo ao longo da vida adulta, que de fato podemos realizar. Sonhos são combustíveis para manter em movimento a nossa jornada.
Quando desistimos dos sonhos, corremos o risco de nos tornarmos pessoas cínicas, amargas, tristes e sem aquele brilho de vida. Quando deixamos de acreditar em sonhos, deixamos de acreditar no potencial que temos, na força que nos conduz pra frente, na energia necessária que precisamos diariamente para viver.
Sonhar mantem a nossa energia criativa pulsante, alimenta o nosso potencial e reabastece a nossa força, para continuarmos suficientemente jovens para as batalhas que surgem.
Se alimentar de sonhos é ter coragem suficiente para perseguir uma meta, construir sua missão e viver o seu propósito, colorindo a vida numa aquarela de luz, tornando os dias nublados mais ricos de sentido.
Sonhar te devolve a vitalidade primordial para manter a harmonia entre o nosso eu criança e o nosso eu adulto, tornando a caminhada mais leve, verdadeira e significativa.
Manter nossa criança interior viva e orgulhosa do nosso eu adulto, significa acreditar que vale a pena sonhar e mais que isso, que vale a pena realizar tudo aquilo que queremos.


About the Author

Ludimila Estulano

 

Be the first to comment “Eu criança, eu adulto”

Bitnami